BiblioBeiriz

Serviços de Biblioteca – Agrupamento de Escolas Campo Aberto – Escola E.B. 2/3 de Beiriz

(Mais) tempo para ler…

Posted by bibliobeiriz em Dezembro 29, 2008

painatalalermaisDurante as férias temos sempre mais vagar para nos dedicarmos às nossas actividades preferidas. E a leitura é sem dúvida uma delas: que maravilha (e que privilégio) podermos aconchegarmo-nos bem quentinhos num lugar sossegado com um bom livro nas mãos! 

Este ano, o Pai Natal -“leitor de 5 estrelas”- como recebeu muitos pedidos, nomeadamente do PNL, fez várias recomendações aos meninos e meninas, aos jovens e adultos (pais)  e aos professores e funcionários, sobre os livros e a leitura.

Nós aproveitamos, e também deixamos aqui um pedido ao  Pai NAtal, ao PNL, enfim a quem tiver vontade e poder para tal: gostaríamos tanto de uma versão portuguesa do Bookpoly!

E já agora, uma pergunta para responderem na caixa de comentários: que livros receberam ou ofereceram nestas festas?

7 Respostas to “(Mais) tempo para ler…”

  1. Manuela D.L. Ramos said

    Eu este Natal ofereci os seguintes livros:
    A Mala vazia de Alexandre Parafita (3 livrinhos: a duas meninas e um menino)publicado pela AMBAR
    e Uma Vida em Concerto – Memórias de Helena Sá e Costa e Erótica do Vinho de Jean-Luc Hennig ambos publicados pela Campo das Letras.

  2. Gisela Silva said

    Dar livros é dar sonhos e magia, como tal neste Natal também dei livros. Foram eles: O TÊPLUQUÊ e Outras Histórias, de Manuel António Pina; Contos da Mata dos Medos, A Criatura Medonha, Um Problema Muito Enorme (os três livros que compõem 1 elogio à pureza dos animais e à natureza), O Rapaz do Espelho e O Último Grimm, de Álvaro Magalhães; Contos para rir, de Luísa Ducla Soares; Minas, o Lápis Professor, da Susana Cardoso Ferreira,
    Os 4 livros de Artur (da colecção Artur e os minimeus), de Luc Besson; A Odisseia de Edward Tulane, da Kate DiCamillo; A Coroa de Sangue, de Madalena Santos; O Fazer da Poesia, de Ted Hughes; A Viagem do Elefante, de José Saramago; Auliya, de Verónica Murguía e Imaginários, Identidade e Margens, que é uma colectânea de textos académicos sobre a literatura infanto-juvenil, de vários autores, coordenada pelos professores Fernando de azevedo, Joaquim Machado de Araújo, entre outros. Sabem que mais? Só recebi dois livros de um grande amigo, e que eu já citei. Por que será?

    BOM ANO E BOAS LEITURAS!

  3. Teresa Correia said

    Neste Natal também ofereci e recebi deliciosos “presentes de ler”. Recebi o livro de Rosa Mantero, ” Instruções para salvar o mundo” e ofereci: ” Apocalipse dos trabalhadores” de Valter Hugo Mãe;” O mar ” de Sophia de Mello Breyner; “The Universe in a Nutshell” de Stephen Hawking; ” A febre” de Clezio; ” Os Passageiros da Noite” Yokio Mishimae o ” Cemitério de Pianos” de José Luís Peixoto. Estas são prendas que normalmente permanecem e cujo prazo de validade não acaba.

  4. Glória Ferreira said

    O Pai Natal, este ano, não me trouxe nenhum livro. Que pena! Mas, mesmo assim, não abdiquei deste grande prazer e li um livro emprestado: “As Terças com Morrie”, de Mich Albom, a história da redescoberta de uma amizade entre um jornalista desportivo e o seu antigo professor de sociologia que tanto o marcou na sua juventude. É uma lição de vida, onde se aprende a aceitar a morte.
    Ofereci apenas dois livros: “2 Histórias de Natal, de Alice Vieira e “Contrários”, de Luísa Ducla Soares. Os felizes aprendizes de leitores foram os meus filhotes.

  5. zita Peniche said

    Para mim , os livros são essenciais no meu dia-a dia! Por isso, neste Natal investi na compra de alguns livros das colecção “Docinho de Morango”( “…e dia das bruxas” e” …vai à escola”), da Asa Edições e “Anita” (“…e a noite de Natal”, “…na festa das flores ” e “…no país dos contos”) da Verbo infantil para a minha Princesa de 6 anos e para o meu “jeitoso” DE 10 anos estou a comprar ,pouco a pouco, os livros da colecção Clube da Chaves de Teresa Maria Gonzalez! Escusado será dizer que omeu filho sofre da mesma doença da mãe : é viciado em livros que vai DEVORANDO!
    Para oferecer, comprei livros diversos,tendo sempro em atenção os visados. Comprei dois de António Mota e dois de Ducla Soares para a minha afilhada.E para mim…estou a completar a minha colecção de livros de Nora Roberts e de Barbara Cartland (esta em Francês porque não enconto nada em Português deal!!!).
    è sempre com muita alegria que recebo um livro! Adoro ler romances, adora o mundo do fantástico e não recuso um bom policial!
    Ler é um dos melhores remédios para o tipo de situação… Leiam ! Com a leitura todos ficamos em vantagem …a vida é bem menos monótona!

  6. Paula Viana said

    Este Natal recebi apenas o livro:”50 coisas simples…para salvar a Terra” do Círculo de Leitores. É que adoro ler, embora o tempo seja muito escasso para o tipo de leitura que me delicia fazer! Ainda assim, ofereci alguns livros que são dos presentes que mais me apraz comprar. Assim ao meu sobrinho João ofereci:”Fábulas” de Jean de La Fontaine, à minha princesinha de 5 anos ofereci “A gatinha de Natal” da Porto Editora e outro também sobre uma gatinha, de que não me recordo agora o nome…, da Asa, comprado, por acaso, na feirinha do livro da nossa Escola! Dei ao meu príncipe de 9 anos o conto””Os três reis do oriente”,da nossa querida Sophia de Mello Breyner Andresen e ao meu marido(e para mim também, claro está!)ofereci o livro lançado pela Bertrand: “100 Grandes Cidades do Mundo”.
    Ofereci alguns livros ingleses de autores clássicos ingleses à minha prima Sofia de 17 anos que também adora ler. E tudo isto porque… LER é simplesmente um grande prazer, por isso e muito mais LEIA +…

  7. Manuela D.L.Ramos said

    Surpreendentemente parece que oferecer livros “é a grande moda” de acordo com os números publicados numa notícia saída no DN em 6 de Janeiro- Autores nacionais venderam um milhão na época de Natal : « (…) Dar e receber um livro no Natal é a troca de presentes preferida dos portugueses. Fazê-la com livros de autores nacionais é a grande moda. O resultado destas duas situações fez com que os autores nacionais tenham sido os recordistas de vendas de livros neste último trimestre, num total muito próximo de um milhão de exemplares.»
    Quem diria!
    Ler aqui:
    http://www.dn.sapo.pt/2009/01/06/artes/autores_nacionais_venderam_milhao_ep.html

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s