BiblioBeiriz

Serviços de Biblioteca – Agrupamento de Escolas Campo Aberto – Escola E.B. 2/3 de Beiriz

Archive for Janeiro, 2013

“Inês Correia – This is my scene”

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 30, 2013

BOAS NOTÍCIAS E HISTÓRIAS INSPIRADORAS!
Video da atleta portuguesa Inês Correia atual vice campeã mundial de kite surf (KSP).

Vê no Bibliobeiriz.Scoop.itDE TUDO UM POUCO

Posted in Inês Correia | Com as etiquetas : , , | Leave a Comment »

“Liga-te, mas com respeitinho…”- Dia Internet Segura 2013

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 29, 2013

É já no dia próximo dia 5 de Fevereiro, o SID – Safer Internet Day — Dia Internet Segura

«Este ano, o tema aglutinador é “Os Direitos e os Deveres na Internet” e o slogan “Liga-te, mas com respeitinho…”, pelo que se apela às escolas que desenvolvam atividades que abranjam o maior número possível de participantes de diferentes gerações, em interação. (…)»

Continuar a ler no Site da SeguraNet onde se podem encontrar uma grande variedade de Materiais de apoio:  Banda desenhada – Tiras SeguraNet, Clips de áudio e vídeo dos vídeos Minuto Seguro, os já amplamente divulgados aqui na escola ALERTAS “O que farias?”, Jogos (destinadas a três públicos-alvo diferentes: 1.º /2.º Ciclos; 3.º Ciclo/Secundário; Pais e Educadores), Planos de Aula, Guias e Vídeos)

——-

Consulta também o que selecionamos para ti no Bibliobeiriz.Scoop.it

Posted in Internet segura, Seguranet | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

“PÓVOA DE VARZIM – Alguma da sua história em azulejos”

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 28, 2013

Divulgando o património local  (autoria Joaquim Santos)

«Um valioso painel de azulejos, da autoria do artista – pintor poveiro Fernando Gonçalves (Nando).
Uma obra de inegável valor artístico, que é ao mesmo tempo um repositório histórico da Póvoa, com os seus quadros mostrando aspectos da antiga vila, cenas da vida dos pescadores com as suas alegrias e as suas tragédias, retratos de pessoas que pelo seu valor fazem parte da nossa memória colectiva, uma obra inestimável como essa, corria talvez o risco de se perder na poeira do tempo.» in Garatujando

Posted in Fernando Gonçalves, Póvoa de Varzim | Com as etiquetas : , , , , , , | Leave a Comment »

Olimpíadas da Escrita- Projeto Escola da Minha Vida

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 25, 2013

2012-2013- ESCOLA

Com a participação de mais de meia centena de alunos dos 2º e 3ºciclos, distribuídos por dois turnos, realizou-se ontem a fase de escola das Olimpíadas de Escrita, no âmbito do Projeto Escola da Minha Vida, promovido pela Câmara Municipal da Póvoa de Varzim.

Os autores dos cinco melhores textos de cada escalão (A – 2º ciclo  e B – 3º ciclo) e categoria (prosa e poesia)  representarão a escola na fase final desta festa da escrita que desde há dois anos se realiza na Biblioteca de Praia- Diana Bar.

(Re)vejam as sessões de 2012, com o escritor Ivo Machado e de 2011 com Walter Hugo Mãe e revisitem o Diana – Bar.

Atualização 2 de março: ver reportagem da fase final no Diana -Bar pela Rádio Onda Viva

Posted in Escola da minha vida, Olimpíadas da Escrita | Com as etiquetas : , , | Leave a Comment »

O Mar no Cancioneiro Popular

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 22, 2013

marO Mar no Cancioneiro Popular é um sítio onde se  pode encontrar uma seleção de quadras soltas e cantigas populares tradicionais, assim como lengalengas e cantigas infantis, de alguma forma relacionadas com o MAR*.

Inclui a referência das fontes consultadas (cancioneiros antigos – alguns deles agora acessíveis em versão digital- e antologias mais atuais) e outra bibliografia sobre o tema.

Esperamos que desperte a vontade de embarcar, de moto- próprio, numa viagem de descoberta e apreço pela Literatura Tradicional.

Posted in Manuela DL Ramos | Com as etiquetas : , , , , | Leave a Comment »

“As palavras” – poema de Eugénio de Andrade

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 19, 2013

As palavras

São como um cristal,
as palavras.
Algumas, um punhal,
um incêndio.
Outras,
orvalho apenas.

Secretas vêm, cheias de memória.
Inseguras navegam:
barcos ou beijos,
as águas estremecem.

Desamparadas, inocentes,
leves.
Tecidas são de luz
e são a noite.
E mesmo pálidas
verdes paraísos lembram ainda.

Quem as escuta? Quem
as recolhe, assim,
cruéis, desfeitas,
nas suas conchas puras?

Eugénio de Andrade in  O Coração do Dia

Fonte: Fundação Eugénio de Andrade > POESIA- 30 poemas

…………………………………………
Eugénio de Andrade, pseudónimo de José Fontinhas, poeta maior da língua portugesa, nasceu a 19 de janeiro de 1923
e faleceu a 13 de junho de 2005. A sua poesia continua viva.
…………………………………………

Posted in Eugénio de Andrade | Com as etiquetas : | 1 Comment »

“Soul Surfer- Coragem de Viver”

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 18, 2013

Desde o início deste período que a estante das novidades tem estado repleta de livros novos.

Este é um deles. É uma autobiografia impressionante, escrita por  Bethany Hamilton, uma jovem  natural do Havai, que treinava para ser surfista profissional.  Uma manhã, como tantas outras, em que esperava uma onda,  foi atacada por um tubarão que lhe arrancou um braço!

Bethany não desiste dos seus sonhos e consegue tornar-se campeã apesar do seu handicap: ela é «(…)um exemplo de força e coragem, que todos os jovens deviam conhecer.» (ficha wook)

O  título original  deste livro publicado em 2004 é Soul Surfer: A True Story of Faith, Family, and Fighting to Get Back on the Board.  

Em 2011 estreou um filme baseado nesta história verídica:  aqui  e aqui podes ver mais imagens e informações sobre o filme (a não perder!!!)

E, claro,  não deixes de “surfar” no blogue de Bethany Hamilton, protagonista e autora do livro “Soul Surfer- Coragem de Viver”

Ver também o artigo da wikipedia em inglês (apoiado em  boas referências bibliográficas )

Publicado também em Bibliobeiriz.Scoop.it - LIVROS e LEITURAS

Posted in Bethany Hamilton | Com as etiquetas : , , , , | Leave a Comment »

“Nem todos os pássaros são tarrotes”, por José Flores – no Arquivo Municipal

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 15, 2013

nemtodosospaasaros

Gostam de pássaros? Então não percam esta conversa:

Na próxima  quarta-feira, dia 16, pelas 15 horas  «(…) – José Flores, Arqueólogo Municipal, é o convidado do Arquivo Municipal para a iniciativa “À quarta (h)à conversa” deste mês.

Inspirado na frase jocosa que normalmente se partilha entre os poveiros (“na Póvoa todas as árvores são pinheiros e todos os pássaros são tarrotes”), a conversa irá versar sobre as origens da observação das aves na Póvoa, assunto que, aliás, motivou o interesse de personagens como Rocha Peixoto, Cândido Landolt ou Carlos é Grila.

Será ainda feita a amostragem de algumas das largas dezenas de espécies de aves que podem ser observadas na Póvoa ao longo do ano. Falar-se-á também das migrações, da nidificação, das espécies que hoje se podem observar e daquelas que se têm tornado cada vez mais raras.»   ver  www.cm-pvarzim.pt

Posted in Arquivo Municipal, José Flores | Com as etiquetas : , , | Leave a Comment »

“Payassu – O Verbo do Pai Grande”

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 10, 2013

Publicado também em Bibliobeiriz/Scoop.it - LIVROS e LEITURAS

Atualização (12 /01/13)

payassu-marcelolafontana-beiriz-sm

Momentos da sessão realizada no auditório da EB23 de Beiriz

Dia 11, pelas 10.30 h., no auditório da Escola Sede, o Teatro de Formas Animadas apresentou “Payassu – O Verbo do Pai Grande“, a partir do“Sermão aos Peixes” de Padre António Vieira.
Dramaturgia: José Coutinhas
Encenação e interpretação: Marcelo Lafontana
Atividade Integradora do Curso Profissional de Técnico de Restauração.

A peça “Payassu – O Verbo do Pai Grande” foi preparada em 2008, ano em que se comemorou o 4º centenário do nascimento do Padre António Vieira (1608-1697), a quem os índios brasileiros,  tapuia, chamavam “payassu“, pai grande. O “verbo” é  a “palavra” do Padre, neste caso o Sermão  aos Peixes,  originalmente pronunciado na cidade de S. Luis do Maranhão, em 1654.

«Hoje ainda, o texto fascina pela beleza da escrita e pela actualidade do tema – a crítica dos poderosos em gerale, em particular, a denúncia dos vícios dos colonos portugueses no Brasil. O sermão é todo ele um rosário corajoso de sátiras pintadas em quadros finíssimos, recorrendo à simbologia da fauna marinha, peixes e não só, para chegar ao homem que é o verdadeiro destinatário do recado. Mensagem expressa de modo subtil, ora louvando as virtudes, ora fustigando os vícios dos prevaricadores, tudo isto, diz Vieira, quando a terra se vê tão corrupta como está a nossa…»  nas palavras de José Coutinhas,  diretor do Teatro de Formas Animadas, a quem se deve a adaptação do texto. in Caderno de Criação de Espectáculo (fonte )

Para saber mais:

Video completo  (canal  Companhia das ideias no vimeo)

Posted in José Coutinhas, Marcelo Lafontana, Padre António Vieira | Com as etiquetas : , , | 1 Comment »

Noite dos Reis

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 6, 2013

reis_magos_sophia_keil-sm«[…] Parou a escutar. O barulho dos passos aproximava-se. Até que viu surgir entre os pinheiros um vulto muito alto que vinha caminhando ao seu encontro.  «Será um ladrão?», pensou.
— Boa noite — disse Joana.
— Boa noite — disse o rei — Como te chamas?
— Eu, Joana — disse ela.
— Eu chamo-me Melchior — disse o rei. E perguntou:
— Onde vais sozinha a esta hora da noite?
— Vou com a estrela — disse ela.
— Também eu — disse o rei, também eu vou com a estrela.
E juntos seguiram através do pinhal.
E de novo Joana ouviu passos. E um vulto surgiu entre as sombras da noite. Tinha na cabeça uma coroa de brilhantes e dos seus ombros caía um grande manto vermelho coberto de muitas esmeraldas e safiras.
— Boa noite — disse ela. — Chamo-me Joana e vou com a estrela.
— Também eu — disse o rei —, também eu vou com a estrela e o meu nome é Gaspar.
E seguiram juntos através dos pinhais.
E mais uma vez Joana ouviu um barulho de passos e um terceiro vulto surgiu entre as sombras azuis e os pinheiros escuros.
Tinha na cabeça um turbante branco e dos seus ombros caía um longo manto verde bordado de pérolas. A sua cara era preta.
— Boa noite — disse ela. — 0 meu nome é Joana. E vamos com a estrela.
— Também eu — disse o rei — caminho com a estrela e o meu nome é Baltasar.
E juntos seguiram os quatro através da noite.
Já quase no fundo dos pinhais viram ao longe uma claridade E sobre essa claridade a estrela parou. E continuaram a caminhar. (…)» (texto com ilustrações da última edição aqui)

Ilustrações de Maria Keil  para a 1ª edição de A Noite de Natal de Sophia de Mello Breyner Andresen (Edições Ática, 1959)

(fotos e a composição são de minha autoria e só o refiro para não se pensar que as tirei de algum lado)

Posted in Maria Keil, Sophia de Mello Breyner Andresen | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

Os Lusíadas ilustrados por Carlos Alberto Santos

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 4, 2013

CamoesfinalcarlosAlbertoSantos

Luís de Camões lendo o seu poema – Carlos Alberto Santos

Publicado também em Scoop.it - LIVROS e LEITURAS
  • on line Os Lusíadas de Luís de Camões, ilustrados pelo grande pintor/ilustrador Carlos Alberto Santos  (com valiosas anotações de João Manuel Mimoso).

Mais sobre Os Lusíadas e Luís de Camões:

Posted in Carlos Alberto Santos, Luís de Camões | Com as etiquetas : , , , , , , , , , | Leave a Comment »

2013, ano internacional …

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 4, 2013

E também:

Publicado também aqui

Posted in Bibliobeiriz | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

Os Miseráveis de Victor Hugo

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 2, 2013

os_miseraveisAdaptação e tradução de Walcyr Carrasco (pdf) > Vê também em Scoop.it – LIVROS e LEITURAS

A propósito da estreia do filme musical “Les Misérables” apresentamos uma sugestão de leitura: o livro Os miseráveis do grande escritor francês Victor Hugo, numa versão creditada pelo Ministério da Educação do Brasil.

Curiosidades:
Sabias que este romance, um dos mais populares da literatura francesa e originalmente publicado em 1862, teve mais de meia centena de adaptações para o cinema e para a televisão?

Imaginavas que esta mais recente adaptação musical se baseia por sua vez num “musical” estreado em Paris em 1980?

Para saber mais:
Consulta o artigo da wikipedia sobre o assunto (está bem escrito e cita as fontes)

Posted in Victor Hugo | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Bom Ano, Boas Leituras e Muitas Aventuras

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 1, 2013

anastasiagorbunovaposter

© Анастасия Горбунова / Anastasia Gorbunova (Artist). Digital Art.

Poster que ganhou um concurso de promoção da leitura na Rússia em 2011, na categoria de obra gráfica (fonte). Ver outros trabalhos concorrentes aqui.

Traduções possíveis da frase originalmente escrita em cirílico:
читать не вредно вредно не читать
 Reading isn’t dangerous. Not reading is.
There’s no harm in reading but it’s harmful not to read.
Ler não é prejudicial. Prejudicial é não ler.
Ler não é mau. Mau é não ler.
Sugerem mais?

Posted in Bibliobeiriz | Com as etiquetas : , , , , | Leave a Comment »