BiblioBeiriz

Serviços de Biblioteca – Agrupamento de Escolas Campo Aberto – Escola E.B. 2/3 de Beiriz

O lobo de São Francisco – Afonso Lopes Vieira

Posted by Manuela DLRamos em Outubro 4, 2015

Hoje, Dia Mundial do Animal- que se comemora na data de nascimento de S. Franscisco-  recordamos este poema de Afonso Lopes Vieira  e o seu livro Animais Nossos Amigos.

olobodesaofranciscodeassis

Ilustração de Raul Lino

«Andava o povo, assustado,
a fazer a montaria
ao grande lobo esfaimado
que tanto mal lhe fazia.

Ele levava nos dentes
agudos e carniceiros,
os meninos inocentes
que são os alvos cordeiros.

E as pessoas assaltando,
vinha de noite, em segredo,
com seus olhos chamejando,
encher a gente de medo!

Ora, São Francisco era
incapaz de querer mal
mesmo que fosse a uma fera,
até ao tigre real.

Tinha tão bom coração
que homens e bichos o amavam
e as andorinhas poisavam
na palma da sua mão…

E como ele desejava
que tudo vivesse em paz,
enquanto o povo caçava,
o Santo, o Poeta, que faz?

Procura o lobo cruel,
e tendo-o encontrado enfm,
chamou-o, foi para ele,
sorriu-lhe e falou assim:

“Ó lobo, muito mal fazes
em levar vida tão má!
Mas eu proponho-te as pazes,
e tudo esqueço… Ouve lá:

Eu sei porque fazes mal,
eu sei o que te consome:
tu és tão mau, afinal,
tu és mau – porque tens fome…

Pois bons amigos seremos,
para nosso e teu descanso;
e de comer te daremos
para poderes ser manso.

Promete que hás de mudar
de vida, neste momento:
e em sinal de juramento,
alevanta a pata ao ar
e põe-na na minha mão!”

Jurou o lobo. E cumpriu…
Depois, toda a gente o viu
tão mansinho como um cão.»

Afonso Lopes Vieira in Animais nossos Amigos.

  • Na nossa Biblioteca temos um exemplar da edição de 1992 da editora Livros Cotovia com ilustrações de Raul Lino  (conforme 1.ª edição da Livraria Ferreira, 1911),  e um exemplar de versão com ilustrações de Isabel Favila, publicada pela editora Vega em 1998.
  • Ler mais poemas deste livro: O cãoO cão,  O gato, O sapo 
  • As imagens em baixo reproduzem um artigo da época  (não identificado)  sobre esta obra, publicado no blogue “Leiria”, terra natal do poeta. 
    ip11livro ip11livro1

—————–

Para saberem mais:

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s