BiblioBeiriz

Serviços de Biblioteca – Agrupamento de Escolas Campo Aberto – Escola E.B. 2/3 de Beiriz

Archive for the ‘Leitura’ Category

“Quando se lê mais, lê-se muito melhor”

Posted by bibliobeiriz em Setembro 27, 2011

«O Plano Nacional de Leitura fez cinco anos, metade da esperança de vida que lhe foi destinada. O comissário, Fernando Pinto do Amaral, acredita que a segunda fase continuará a contribuir para que os livros pertençam ao quotidiano dos jovens. E elogia os protagonistas desta história: os professores-bibliotecários.

O comissário atribui ao PNL o papel de “abrir as portas para a leitura” e elogia o trabalho dos professores-bibliotecários, “os verdadeiros agentes do Plano Nacional de Leitura”. “As escolas e agrupamentos escolares que tenham um determinado n.º de alunos têm um professor-bibliotecário. São eles que estão no terreno e contactam diretamente com as crianças.”

Passada a fase de equipar as bibliotecas escolares com computadores, audiovisuais, etc. (“um dos méritos do anterior Governo foi o de equipar as escolas, nem todas, mas muitas”), agora, querem “apostar mais no software do que no hardware”.

Será também o momento de “aprofundar as ações a nível humano, para que os equipamentos e materiais não fiquem ali sem utilização.
Aí, é muito importante o papel dos professores bibliotecários, pois são eles que dinamizam as atividades e as práticas de promoção da leitura”.»   Leitura de Paulo Izidoro in  Bibliotequices



«Com tanta insistência na promoção da leitura, faltava a pergunta: Ler para quê?
“Ler é fundamental para conhecermos melhor o mundo que nos rodeia e para nos conhecermos a nós próprios. O acto de ler estimula a refexão e o sentido crítico. No caso dos melhores livros, ler também nos permite aceder, pelo menos de vez em quando, a uma dimensão oculta das coisas, a mundos desconhecidos que podemos ter dentro de nós.” E quanto mais melhor

in Revista Pública -“Miúdos: Quando se lê mais, lê-se muito melhor”  – Texto de Rita Pimenta
(Só para assinantes aqui )

Via Bibliotequices

Anúncios

Posted in Biblioteca Escolar, Fernando Pinto do Amaral, Leitura, Ler com eles compensa, livros, Plano Nacional de Leitura, Professor Bibliotecário, Rita Pimenta | Leave a Comment »

“What is your favorite book and why?”

Posted by Manuela DLRamos em Dezembro 10, 2010

Todas as semanas, a revista Time publica um artigo intitulado “10 Questions for…” em que uma personalidade  – do mundo do espectáculo, da literatura, da política, etc. – responde a 10 perguntas enviadas por  pessoas “from all over the world”. 

Esta semana, as perguntas foram para Emma Watson– actriz que interpreta  a personagem de Hermione Granger, na adaptação para o cinema dos livros de  Harry Potter – na sequência da estreia da primeira parte do último filme, “Harry Potter and the Deathly Hallows” .  Achamos que iriam gostar de ler (e ver /ouvir) o que ela diz, até porque o faz num inglês muito acessível.

 Tanscrevemos a seguir a resposta  à pergunta, “What is your favorite book and why?”  (…) por ser uma pergunta sobre livros e leitura e  porque apreciamos a associação que ela faz entre o gosto que tem por certos livros e as recordações que eles suscitam. Ora leiam:

«My dad read me BFG by Roald Dahl when I was younger. I’m really fond of that book. Le petit Prince [by Antoine de Saint-Exupéry]. I like books that aren’t just lovely but that have memories in themselves. Just like playing a song, picking up a book again that has memories can take you back to another place or another time.»  Ler toda a entrevista aqui

Links:

Posted in Emma Watson, entrevista, Harry Potter, Inglês, Leitura, livro | Leave a Comment »

A semente e os frutos

Posted by Manuela DLRamos em Outubro 13, 2010

Homenagem a Maria Rosa Colaço (1935- 2004)

«A literatura para crianças é como uma semente de palmeira que, há mais de seis meses, um africano me vendeu, ali, para os lados do Martim Moniz. Num cesto pequenino tinha dez sementes ovais, duras, quase esquecidas. Era o seu negócio, tudo o que possuía, possivelmente o que lhe restava do seu país de sol e florestas onde talvez não regresse mais. Afagava as sementes, tocava-lhes e garantia:

— Leve, senhora! Primeiro, põe na água oito dias, depois mete na terra e rega pouco-pouco. Quando estiver quase a esquecer que tem lá uma semente enterrada, vai ver que nasce uma folhinha verde. Depois, é só esperar, que vai crescer até ficar grande, assim!

E com a mão de dedos esguios, marcava por alturas do coração o tamanho da palmeira. A convicção do vendedor e outras convicções que não vêm agora ao caso levaram-me a comprar a pequena semente.
(…)

A princípio, nas escolas, ninguém saía dos mais que insípidos e gastos textos do livrinho de leitura. Não tinham tempo, os programas são um horror, os inspectores uns chatos, só ligam a burocracias, aos papéis, querem lá saber de criatividade. Mas, a pouco e pouco, lenta mas eficazmente, os pelouros da cultura de certas autarquias foram alargando as iniciativas, organizando colóquios, abrindo bibliotecas, dinamizando a leitura, convidando os escritores e pronto! Nasceu a ponte para o outro lado da alegria.

Agora, aí andamos nós a caminho das escolas, calcorreando estradas, conversando com os meninos que trabalham nos textos, fazem exposições, querem saber coisas, escrevem poemas, cantam, recitam e nos olham por dentro da alma, sem se importarem se somos novos ou velhos, se estamos bem ou mal vestidos. E é isto, esta disponibilidade para a fantasia, para repartir o coração, para oferecer a flor, o desenho, o beijo, que comove e nos faz sentir que vale a pena.

Mas ainda há sítios em que se negam, em que ficam sentados na sombra, em que têm medo de sonhar, de soltar-se, de abrir as janelas das salas de aulas para entrar a luz e o perfume das estações.

Mas, hoje, tenho a certeza: como a semente de palmeira, o que é preciso é paciência; o sonho bem regado acaba por dar raízes! É só esperar! O africano é que sabe.

Colaço, Maria Rosa  in  Ela ainda mora aqui ?  Lisboa : Escritor,  1998.   ISBN 972-8334-64-8.

(texto adaptado tirado daqui )

Posted in Leitura, Maria Rosa Colaço | Leave a Comment »

Anda COMIGO PràEscola- reportagens

Posted by bibliobeiriz em Maio 31, 2010

…sobre a grande festa da leitura da passada sexta-feira:

  • “Anda COMIGO PràEscola”  Numa noite primaveril de encantos vários, onde a poesia se fez de sentidos, emoções e partilhas… (no VoxNostra)
  • Anda COMIGO pràEscola ver-me crescer! –  O (Re)Leituras também esteve no “Anda COMIGO pràEscola” e estava todo ‘babado’ por ver o que estava a acontecer. Os nossos meninos (Re)Leituras, os seus professores, encarregado de educação e familiares fortaleceram a nossa convicção: a Escola é de todos e para todos quando a família está com ela. (no Vox Nostra)
  • Uma Festa da Leitura, da Poesia, da Dramatização e da Dança – Ontem em Beiriz, com lideranças inspiradoras, a dedicação e profissionalismo de muitos professores, largas dezenas de alunos, centenas de pais: evidências claras e quentes de uma comunidade sempre em construção, numa noite de primavera.(no Terrear)

Posted in aLeR+, Anda COMIGO PràEscola, Leitura, O (Re)Leituras | 1 Comment »

“Estudo diz que ler contos infantis às crianças melhora as suas notas na escola”

Posted by bibliobeiriz em Maio 9, 2010

Mais um estudo que frisa o que para nós é óbvio:Ler com eles compensa!
«Estudo diz que ler contos infantis às crianças melhora as suas notas na escola (por Anabela Ferreira, hoje no DN) : Ler uma história ao seu filho traz mais vantagens do que simplesmente fazê-lo adormecer mais depressa. Pode ajudá-lo a ser bem- sucedido na escola, de acordo com uma investigação levada a cabo pela Universidade de Oxford.

O estudo inglês indica que as crianças a quem os pais lêem histórias têm melhores resultados escolares. Enquanto aquelas a quem os pais nunca leram um livro infantil apresentam maior dificuldade em contar e escrever histórias na escola. Efeitos para os quais especialistas portugueses também chamam a atenção.

“Os miúdos que têm este tipo de actividades com os pais têm melhores condições para desenvolver as suas competências”, reconhece o psicólogo educacional José Morgado . Uma vantagem que a socióloga Maria Manuel Vieira explica pelo facto de a escola se basear numa cultura escrita. “A chave do sucesso escolar é a leitura e a escrita e se isso faz parte da rotina da criança antes desta entrar na escola, aumentam as hipóteses de ela ter sucesso”, explica a socióloga da Educação. “Assim, quando chegam à escola as crianças já viram livros e já estão habituadas a manuseá-los”, acrescenta a socióloga. Por outro lado, “ouvir e ler histórias é um incentivo à imaginação. O texto escrito funciona como ponto de partida para a imaginação”, defende Maria Manuel Vieira.

Além do desenvolvimento cognitivo, José Morgado sublinha o reforço da ligação entre os pais e as crianças, durante a leitura de histórias. “Esta actividade, como qualquer outra que ponha os pais em contacto com os filhos e os estimule, é boa”, lembra o psicólogo educacional.

Para as crianças mais pequenas, ouvir as histórias contadas pelos pais ajuda-os “a dissipar alguns medos e inquietações, porque aprendem a lidar com as situações”, refere José Morgado. O professor do Instituto Superior de Psicologia Aplicada Educacional (ISPAE)  adianta ainda que o hábito da leitura ajuda “a motivar para a aprendizagem”.

Apesar de reconhecer os benefícios da leitura de histórias infantis, José Morgado sublinha que “o facto de os meninos não terem lido ou ouvido histórias antes de irem para a escola, não os condena ao fracasso”. Da mesma forma que uma criança a quem os pais leram muito pode não ter sucesso, acrescenta Maria Manuel Vieira. Ou seja, “não basta ter os meios culturais, também depende de factores, como o tempo que os pais passam com os filhos”, diz.

José Morgado frisa ainda que se deve incentivar a leitura, mas “sem culpar os pais, porque eles às vezes não têm muito tempo para fazer todas as actividades com os filhos”.»

——————————————-

Link directamente relacionado:  Many parents failing to read to children, survey shows (no Guardian):  «Research shows that children who are read to on a regular basis before they start school are most likely to succeed. “It’s a key predictor in terms of educational success,” said Corbett.
Being told stories boosts language and, by feeding the child’s imagination, develops abstract thought.
“Children who are told stories are the ones who first form abstract concepts across the curriculum – in other words, being read to makes you brainy,” Corbett said. “The best writers in the class are always those who are avid readers.” He said parents needed to get the message that reading really matters. “It may be parents have lost faith with this idea, but education is a way out of poverty.”»

———————————–

A propósito:

  • Ler + em família-  Plano Nacional de Leitura
  • Crescer a Ler – in APEI 
  • “Ajude os seus filhos a gostar de ler” in Site Junior, Gerais – Pais e Educadores
  • ————————————

    Posted in Leitura, Ler com eles compensa, Pais e EE, Plano Nacional de Leitura | Leave a Comment »

    Concurso Nacional de Leitura- Final

    Posted by bibliobeiriz em Abril 27, 2010

    Especial para a Marta ;- )

    Informações disponíveis no site do Plano Nacional de Leitura:  As provas da Final Nacional do Concurso Nacional de Leitura realizam-se nos dias 29 e 30 de Maio em local a anunciar.

    Livros seleccionados:  3º Ciclo

    Na BE só não temos a obra de Fernando Savater.

    Posted in Concurso Nacional de Leitura, Leitura, livro, Plano Nacional de Leitura | Leave a Comment »

    “O Poder dos Livros”

    Posted by bibliobeiriz em Dezembro 2, 2009

    A (re)ler: a entrevista de Anne Rapin a Daniel Pennac (em 2000), publicada no blogue Revisitar a Educação (e de que o Rerum Natura publicou ontem um extracto).   

    Destaques (sugeridos por colega bibliotecário > ):
    «[..]Regra número um: não envergonhar os iletrados. [..]

     A leitura, além disso, é para elas algumas vezes ameaçada pela maneira como a escola a apresenta, que é puramente “médico-legal” e que funciona muito bem com “os que sabem ler”, mas não com as crianças em dificuldade escolar. […]

    Nós, professores, temos tendência, para nosso próprio conforto metodológico e para atingir os objectivos “rentáveis” que nos são determinados, a comportar-nos como usurários: é preciso que haja rendimento, e o mais rápido possível! Eu ensino-lhe uma lição hoje à tarde e você tem de a recitar amanhã. Isto, evidentemente, é necessário para criar nas crianças o hábito da regularidade no trabalho, mas é perfeitamente insuficiente para me dar a garantia de que essa lição será assimilada e que restará alguma coisa dela em dez anos. Da mesma forma, para fabricar verdadeiros leitores é preciso de vez em quando recorrer à informalidade. [..]»

    Entrevista orginal:”Le pouvoir des livres, entretien avec Daniel Pennac.”

    Posted in Daniel Pennac, Leitura | Leave a Comment »

    “O leitor faz-se, não nasce”.

    Posted by Manuela DLRamos em Novembro 16, 2009

    Ler-para-entender-povoa-de-varzim-2009-11

    Registo visual de um dos interessantíssimos momentos de reflexão proporcionados pelas  autoras do livro  Ler para Entender -Língua Portuguesa e Formação de Leitores (de Gisela Silva, Rita Simões, Teresa Macedo et al.) durante a acção de formação promovida pela  Trampolim Edições, com o apoio da autarquia, no Auditório Municipal da Póvoa de Varzim, no passado sábado, dia 14 de Novembro.

    Posted in Gisela Silva, Leitura, Ler com eles compensa, livro, Mediação da Leitura, Prazer de Ler | 1 Comment »

    A ler- Reflexão sobre a leitura

    Posted by Manuela DLRamos em Setembro 21, 2009

    Por Gisela Silva, nossa querida colega e em boa hora, a nova professora bibliotecária do Agrupamento

    «Na sua obra Seis Passeios nos Bosques da Ficção, Umberto Eco questiona-se sobre a ligação afectiva que une o leitor ao texto e vice-versa. Na sua óptica, o texto literário é uma “máquina preguiçosa que apela ao leitor para que faça uma parte do seu trabalho” (Eco, 1997: 55).
    Se me permitem a partilha, e porque sei que muitos dos alunos das Turmas Fénix e Ninho recusam a leitura num primeiro mal-estar de ‘urticária crónica’, sugiro que não ‘atem as mãos à cabeça’ (só faz mal!). 
    As bibliotecas das escolas estão já apetrechadas de livros apetecíveis que podem e devem entrar dentro da sala de aula, sobretudo nestes primeiros tempos, sem que todos fiquem atordoados com o espectro da planificação a cumprir.
    Lembrem-se, colegas, que ‘contra a corrente’ é penoso avançar e que, se calhar, mais vale por agora preparar o terreno, para que o espaço do ensino/aprendizagem se torne aprazível e que todos possam ‘coabitar’ num ambiente de aprendizagem colectiva.
    Esqueçam, por agora, o habitual inquilino que tem por nome ‘manual adoptado’ e introduzam sem ser à socapa (como eu já fiz noutros momentos que não os do Fénix) obras e textos de leitura integral (contos) que provoquem o riso. Sim, o riso. Em vocês e nos alunos. Já viram alguém ser feliz sem rir? A trabalhar sem ser feliz? Pois. A receita não é minha, deram-ma há muito tempo e garanto-vos que quem o fez sabia que só teremos alunos (na verdadeira acepção da palavra) quando se abrirem, de par em par, as portas das nossas salas de aula, fazendo delas verdadeiros espaços de fruição, de discussão, logo, de aprendizagem. (…)»
    Ler mais aqui

    Posted in Gisela Silva, Leitura, para professores | Leave a Comment »

    Que livros andam a ler?

    Posted by bibliobeiriz em Julho 30, 2008

    imagem daqui

    Posted in Férias, Leitura | Leave a Comment »

    A ler – “Digital Versus Print”

    Posted by bibliobeiriz em Julho 27, 2008

    The Future of Reading

    Literacy Debate: Online, R U Really Reading?  By MOTOKO RICH no  nytimes.com
    «Is the Internet the enemy of reading, or has it created a new kind of reading, one that society should not discount?»

    “O primeiro de uma série de artigos sobre o modo com a Internet e outras dinâmicas tecnológicas e sociais estão a mudar a maneira como as pessoas lêem.” via a educação do meu umbigo

    Posted in Internet, Leitura | Leave a Comment »

    Fóruns de Leitura

    Posted by bibliobeiriz em Janeiro 6, 2008

    Desde Dezembro que estão a decorrer os  primeiros Fóruns de Leitura (do s 7ºs e 8ºs anos) – um projecto de (re)leitura e (re)escrita lançado pelas profªs de LP do 3º ciclo. Os temas destes fóruns  são os seguintes:

    7º ano
    1º Fórum: “Natal, Brilhos e Palavras”
    2º Fórum: “Olhares, Confusões e Decisões”
    3º Fórum: “Adolescência: Mito ou Realidade?”
    8º ano
    1º Fórum: “Bichinhos-do-Conta”
    2º Fórum: “Livros, Heróis e Mitos”
    3º Fórum: “Entre Linhas: Viagens e Descobertas”
    9º ano
    1º Fórum: “Vicentiando na Sociedade de Hoje”
    2º Fórum: “Mitos e Heróis”

    Posted in Fóruns de Leitura, Leitura, Plano Nacional de Leitura | Leave a Comment »

    A Biblioteca em números

    Posted by bibliobeiriz em Outubro 22, 2007

    De 17 de Setembro a 18 de Outubro

    • Livros requisitados para as actividades lectivas: 716
    • Livros requisitados para leitura domiciliária: 575

    Isto num universo de 675  + 29 (Cursos do EFA) alunos. No caso de livros requisitados para ler em casa, estes números demonstram que há muitos alunos não utentes da Biblioteca, numa percentagem que nos 8ºs e 9ºs anos é bastante elevada.

    Esperemos que o nosso projecto para o 3º ciclo, tal como no ano passado com as actividades desenvolvidas pelas professoras de Língua Portuguesa, nomeadamente a actividade “Álvaro Magalhães e nós” , proporcionem aos alunos arredados da leitura oportunidades para se reencontrarem no fabuloso mundo  da literatura.

    Posted in Bibliobeiriz, Leitura, Números | Leave a Comment »

    Leitura partilhada

    Posted by bibliobeiriz em Maio 8, 2007

    Meninas do 3º ano

    Às 3ªs e às 6ªs feiras contamos com a visita de algumas alunas da Escola E.B. 1 da Igreja > . Ainda bem que a Srª. D. Paula também gosta de ler pois assim nem foi preciso insistir muito e a sugestão de “esperarem” na Biblioteca pelas actividades que frequentam na nossa escola foi imediatamente aceite. Que bom! No último dia, todas contentes, levaram um livrinho para lerem em casa durante o fim-de-semana.

    Posted in Bibliobeiriz, Fotografia, Leitura | 1 Comment »