BiblioBeiriz

Serviços de Biblioteca – Agrupamento de Escolas Campo Aberto – Escola E.B. 2/3 de Beiriz

Posts Tagged ‘citação’

A Biblioteca – Citação – Umberto Eco

Posted by Manuela DLRamos em Fevereiro 20, 2016

eco_biblioteca_capa A Biblioteca

«… Um dos mal-entendidos que dominam a noção de biblioteca é o facto de se pensar que se vai à biblioteca pedir um livro cujo título se conhece. Na verdade acontece muitas vezes ir-se à biblioteca porque se quer um livro cujo título se conhece, mas a principal função da biblioteca, pelo menos a função da biblioteca da minha casa ou da de qualquer amigo que possamos ir visitar, é de descobrir livros de cuja existência não se suspeitava e que, todavia, se revelam extremamente importantes para nós.
… A função ideal de uma biblioteca é de ser um pouco como a loja de um alfarrabista, algo onde se podem fazer verdadeiros achados e esta função só pode ser permitida por meio do livre acesso aos corredores das estantes.
… Se a biblioteca é, como pretende Borges, um modelo do Universo, tentemos transformá-la num universo à medida do homem e, volto a recordar, à medida do homem quer também dizer alegre, com a possibilidade de se tomar um café, com a possibilidade de dois estudantes numa tarde se sentarem numa maple e, não digo de se entregarem a um amplexo indecente, mas de consumarem parte do seu flirt na biblioteca, enquanto retiram ou voltam a pôr nas estantes alguns livros de interesse científico, isto é, uma biblioteca onde apeteça ir e que se vá transformando gradualmente numa grande máquina de tempos livres…». Transcrito daqui   
—-
Excertos de um texto  de Umberto Eco, passagem de uma intervenção proferida em março de 1981, no âmbito da comemoração dos vinte cinco anos da Biblioteca Municipal de Milão, cidade onde vivia e onde veio a falecer.

Umberto Eco nasceu na região de Piemonte em Itália, em 1932 e faleceu ontem. Bibliófilo, escritor, filósofo,  linguista, professor, semiólogo, foi uma das personalidades mais influentes no mundo académico contemporâneo.
Dois dos seus livros mais conhecidos são Come si fa una tesi di laurea  (1977) traduzido para Como se faz uma tese (Lisboa: Presença, 1980) e Il nome della rosa, em português O Nome da Rosa (Lisboa: Difel, 1983) – fonte
Na nossa biblioteca temos O Nome da Rosa,  na edição do Público (2002), 1º volume da Coleção Mil Folhas

ecobiblioteca

Umberto Eco na sua biblioteca particular

Anúncios

Posted in Umberto Eco | Com as etiquetas : , | 1 Comment »

“O poeta beija tudo…” Sebastião da Gama

Posted by Manuela DLRamos em Março 21, 2014

«O poeta beija tudo, graças a Deus…
E aprende com as coisas a sua lição de sinceridade…
E diz assim: “É preciso saber olhar…”
E pode ser, em qualquer idade, ingénuo como as crianças, entusiasta como os adolescentes e profundo como os homens feitos…
E levanta uma pedra escura e áspera para mostrar uma flor que está por detrás…
E perde tempo (ganha tempo…) a namorar uma ovelha…
E comove-se com cousas de nada: um pássaro que canta, uma mulher bonita que passou, uma menina que lhe sorriu, um pai que olhou desvanecido para o filho pequenino, um bocadinho de Sol depois de um dia chuvoso…
E acha que tudo é importante…
E pega no braço dos homens que estavam tristes e vai passear com eles para o jardim…
E reparou que os homens estavam tristes…
E escreveu uns versos que começam desta maneira: “O segredo é amar…” »

in Diário 

Fonte  (DISSERTAÇÃO SOBRE SEBASTIÃO DA GAMA pela D. Joana Gama, viúva do Poeta, aos alunos da ES Sebastião da Gama, no ano -1988-em que a escola escolheu o poeta como patrono)

Posted in Dia Mundial da Poesia, Sebastião da Gama, Semana da Leitura, Semana da leitura 2014 | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Hoje é o Dia Mundial da Música

Posted by Manuela DLRamos em Outubro 1, 2013

musica-citacao-andersenFeito no Quozio  – fonte da citação

Se fazem parte dos felizardos que vão assistir aos concertos no auditório, parabéns!

A propósito desta data, que todos os anos se comemora na nossa escola relembra ou descobre:

  • Algumas comemorações do “Dia Mundial da Música”  dos anos anteriores >  aqui
  • Entradas no Blogue na categoria >”Música na Escola” (e mais na etiqueta  > “música” )
  • Seleções musicais que temos vindo a fazer para ti ao longo do último ano >  aqui e aqui (scoop.it)

Posted in Dia Mundial da Música, Hans Christian Andersen, Música na Escola | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Concurso Nacional de Leitura 2012/13 – 2ª fase – livros

Posted by Manuela DLRamos em Fevereiro 26, 2013

CNL-1No distrito do Porto,  as provas da 2ª fase do Concurso Nacional de Leitura 2012/13, realizar-se-ão no dia 23 de abril na Biblioteca Municipal Almeida Garrett (Porto).
A prova escrita terá lugar às 10h00; as provas orais serão de tarde  e apenas para os alunos apurados (5 por cada ciclo de ensino).

São duas as obras selecionadas para o 3º Ciclo do Ensino Básico:

Entretanto, clica em cima, nas referências bibliográficas, ou nas imagens das capas para obteres mais informação sobre estas obras e seus autores e prepara-te para iniciares uma viagem apaixonante pelo mundo da literatura e não só (pintura, cinema, música…).  

Como escreve  Hélia Correia, na  introdução da sua adaptação da peça de William Shakespeare (1564-1616)«Compare-se esta peça com um sol. O poder dos seus raios tem gerado um sem-número de novas criações. (…)» (fonte). A escritora está a referir-se apenas à peça A Tempestade (1611), mas também o livro  de Selma Lagerlof – a primeira mulher a receber o Prémio Nobel da Literatura em 1909-  originou outras criações, nomeadamente um célebre filme (do cinema mudo) em  1919, para o qual músicos modernos continuam ainda a escrever bandas sonoras! (ver aqui)

a ilha encantadacf-tesouro

Posted in Concurso Nacional de Leitura, Hélia Correia, Plano Nacional de Leitura, Selma Lagerlof, William Shakespeare | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Citação – Ler

Posted by Manuela DLRamos em Fevereiro 15, 2013

“Costumo dizer que ler é como namorar: quem acha que não gosta é porque ainda não encontrou o parceiro certo.”

Ana Maria Machado  (fonte)

Posted in Ana Maria Machado | Com as etiquetas : | Leave a Comment »

Citação

Posted by Manuela DLRamos em Setembro 20, 2012

fernandopessoacitler

 

Posted in Fernando Pessoa | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Mãe – citação

Posted by Manuela DLRamos em Maio 5, 2012

«A mãe é o único Deus / Que não tem descrentes na Terra.»

-epígrafe de autor anónimo do poema "Mãe" de Antero de Quental (fonte) 

Posted in Dia da Mãe | Com as etiquetas : | Leave a Comment »

“…uma só andorinha não faz a Primavera…”

Posted by Manuela DLRamos em Março 1, 2012

Mas elas estão a chegar!
Para saber mais consulta o sítio do SPRING ALIVE–  vamos dar as boas-vindas à PRIMAVERA

Para além de poderes ficar a conhecer no mapa a chegada das aves migratórias, também podes fazer jogos e claro, PARTICIPAR!

——————————–
E já agora, por curiosidade, aqui fica um excerto do texto, da autoria de Aristóteles,  onde surgiu a tão citada  frase  “…uma só andorinha não faz a Primavera…”

«(…) Mas o bem, a perfeição para cada coisa, varia segundo a virtude especial dessa coisa. Por conseguinte, o bem próprio do homem é a actividade da alma dirigida pela virtude; e, como há muitas virtudes, será a actividade dirigida pela mais alta e a mais perfeita de todas. Acrescente-se também que estas condições devem ser realizadas durante uma vida inteira e completa, porque uma só andorinha não faz a Primavera, nem um só dia formoso; e não pode tão-pouco dizer-se que um só dia de felicidade, nem mesmo uma temporada, bastam para fazer um homem ditoso e afortunado.»  Aristóteles, “Felicidade e Virtude” in Ética a Nicómaco (fonte: o citador )

Posted in Aristóteles, Spring alive | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

A Flor Azul e Citação

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 17, 2012

“O maior defeito dos livros novos é impedir a leitura dos antigos.” (Joseph Joubert)

in Arquivo da biblioteca -Livros “esquecidos” nos armários de uma biblioteca criada há mais de 50 anos na escola Marquesa de Alorna em Lisboa.

1976_aflorazul
A Flor Azul Ilse Losa

Capa da esquerda: 1ª edição de 1955 com ilustrações de Mário Bonito (Porto : Liv. Figueirinhas) fonte da imagem
Capa da direita: 4.ª edição de 1976 com ilustrações de Lisa Couwenbergh  (Porto: Edições Asa)  fonte da imagem

 

Posted in Ilse Losa, Lisa Couwenbergh, Mário Bonito | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Inventão, conta uma história…

Posted by Manuela DLRamos em Maio 13, 2011

 «Inventão, conta uma história,pina-manuel-antonio-inventao
Inventa uma aventura qualquer.

– A verdade é tão ilusória!
– Só em histórias se pode crer!
Conta a do Rei Ninguém, a da Rainha Nenhuma,
a do Capitão, a do Ladrão, qualquer uma!
.
Era uma vez um Rei…
(A do rei era bonita mas não a sei!)
Era uma vez uma Rainha…
(A da Rainha é tão pequenina!)
Era uma vez um Gigante…
(A do Gigante é tão grande!)
Era uma vez um Português & um Chinês…
(Não me façam contar a do Chinês outra vez!)
Era uma vez uma Cabra…
(A da Cabra nunca mais acaba!)
Era uma vez um Animal…
(A do Animal acaba tão mal!)
Que história contarei?
Tem que ser uma história que eu saiba,
Que não seja muito pequena mas que caiba,
Uma história simples (a da Fada é tão complicada!)
Que acabe bem
E se possível que comece bem também.
Tinha pensado na história do Cão…
Mas a história do Cão é tão! (…)» 

MAP, “Anão Anão & Assim Assim” in O Inventão (1987)

Aqui deixamos, em jeito de homenagem, um excerto de um dos textos de Manuel António Pina mais apreciados  na nossa BE, justamente o que dá nome ao livro que, nas palavras de Álvaro Magalhães, «… é talvez o melhor livro de sempre na literatura infantil» (citado por Rita Pimenta in Público de 13 de Maio de 2011).

Parabéns Manuel António Pina pelo Prémio Camões 2011!  >

  • «O Prémio Camões (…) instituído pelos governos do Brasil e de Portugal em 1988, é atribuído aos autores que tenham contribuído para o enriquecimento do património literário e cultural da língua portuguesa.Este prémio é considerado o mais importante prémio literário destinado a galardoar um autor de língua portuguesa pelo conjunto da sua obra.» (fonte)

Posted in Manuel António Pina | Com as etiquetas : , , , , , , | Leave a Comment »

Citação – poesia

Posted by Manuela DLRamos em Dezembro 11, 2010

«”Nobody reads poetry”, we are told at every inopportune moment. I read poetry. I am somebody. I am the people, too.[…]    If I wanted to understand a culture, my own for instance, and if I thought such an understanding were the basis for a lifelong inquiry, I would turn to poetry first. For it is my confirmed bias that the poets remain the most ‘stunned by existence,’the most determined to redeem the world in words´. » —   in Carolyn D. Wright quotes

Post  dedicado a Liu Xiaobo, Prémio Nobel da Paz 2010

…..

Posted in Bibliobeiriz | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

“A única prisão real é o medo. E a única liberdade real é a liberdade de não ter medo.”

Posted by Manuela DLRamos em Setembro 28, 2007

Atualização em Novembro de 2015-  Partido de Suu Kyi conquista maioria no Parlamento nas primeiras eleições livres em 25 anos (ver por ex. aqui)

Aung San Suu Kyi – Aung San Suu Kyi

Unplayed Piano por Damien Rice e Lisa Hannigan  
capa do disco de Damien Rice

«Come and see me
Sing me to sleep
Come and free me
Hold me if i need to weep
Maybe it’s not the season
Maybe it’s not the year
Maybe there’s no good reason
Why i’m locked up inside
Just cause they wanna hide me
The moon goes bright
The darker they make my night

Unplayed pianos
Are often by a window
In a room where nobody loved goes
She sits alone with her silent song
Somebody bring her home

Unplayed piano
Still holds a tune
Lock on the lid
In a stale, stale room
Maybe it’s not that easy
Or maybe it’s not that hard
Maybe they could release me
Let the people decide
I’ve got nothing to hide
I’ve done nothing wrong
So why have i been here so long?

Unplayed pianos
Are often by a window
In a room where nobody loved goes
She sits alone with her silent song
Somebody bring her home

Unplayed pianos
Are often by a window
In a room where nobody loved goes
She sits alone with her silent song
Somebody bring her home

Unplayed piano
Still holds a tune
Years pass by
In the changing of the moon. »
(ver tradução em br.)

Posted in Aung Sun Suu Kyi, Direitos Humanos, Prémio Nobel | Com as etiquetas : , , | Leave a Comment »

O prazer de ler

Posted by bibliobeiriz em Junho 5, 2007

Lendo no recreio

«Os adultos perguntam com frequência o que acontecerá aos livros quando as crianças deixam de os ler.Talvez esta seja uma resposta:
“Nós carregá-los-emos todos em enormes naves espaciais e enviá-los-emos para as estrelas!  “Uau…!
Os livros são realmente como estrelas num céu nocturno. Há tantos, não podem ser contados e frequentemente estão tão longe de nós que não ousamos procurá-los. Mas imaginem só como ficaria escuro se um dia todos os livros, esses cometas no nosso universo cerebral, partissem e cessassem de fornecer essa energia ilimitada da imaginação e do conhecimento humanos…Valha-nos Deus!
Vocês dizem que as crianças não podem compreender uma ficção científica como esta?! Muito bem, eu viajarei para a terra e permitir-me-ei recordar os livros da minha própria infância. De qualquer maneira, isto é o que me veio à mente quando eu estava a olhar para a Ursa Maior, a constelação a que nós, Eslovacos, chamamos “Grande Carroça”, porque os meus livros mais preciosos me chegaram numa carroça… Isto é, não chegaram inicialmente a mim, mas à minha mãe. Foi durante a guerra. Um dia,
[continuar a ler

A fotografia da Maria (nome fictício) a ler no recreio ilustra a transcrição de parte da mensagem para o Dia Internacional do Livro Infantil > de 2006 da autoria de Ján Uliciansky que relemos com prazer  no blogue de Amélia Pais “Ao longe os Barcos de Flores” > .

Posted in Ján Uliciansky | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

 
%d bloggers like this: