BiblioBeiriz

Serviços de Biblioteca – Agrupamento de Escolas Campo Aberto – Escola E.B. 2/3 de Beiriz

Posts Tagged ‘homenagem’

A Nau Catrineta – versão de Aquilino Ribeiro

Posted by Manuela DLRamos em Setembro 13, 2017

Aquilino Ribeiro nasceu a 13 de setembro de 1885. Na Biblioteca, podes ficar a conhecer alguns dos seus livros na nossa primeira exposição bibliográfica do ano. O Livro de Marianinha– de onde foi retirado este poema, dedicou-o o autor à sua primeira neta. Foi publicado em 1967, já após o falecimento do escritor em 1963.
naucatrineta_marialkeil

«Lá vem a nau Catrineta
velas rotas a trapejar …
ouvide agora, senhores,
sua história de pasmar
como vem na Carónica de Espana,
limpa de mito e patranha.

Havia mais de ano e dia
que erravam na volta do mar,
já não tinham que beber,
já não tinham que manjar.

Deitariam solas de molho
se as pudessem tragar,
mas sola de sapato velho
nem para rato é de rilhar.

Apanharam quantas migalhinhas
havia nas frinchas do comedor,
e beberam o orvalho
que vem do céu com o alvor

Pior foi que a procela
deu sobre eles a matar,
saltou bússola, saltou bitácula,
tudo varrido pelo mar.

As vagas eram tão grossas
que ninguém se podia aguentar
na tolda, para tomar rumo
tomar rumo ou timonar.

Mastro grande estava intacto
mas quem lá podia subir?
-Toca à forma, mestre, toca!
Eia, marujinhos, reunir!. ..
Quem for capaz de a vida jogar
trepe àquele mastro real.
Se vir montes de Espanha
ou colina de Portugal
terá alvíssaras sem par! []» 

in O Livro de Marianinha (1967)

Aquilino Ribeiro (Sernancelhe, Carregal, 13 de setembro de 1885 — Lisboa, 27 de maio de 1963)

Posted in Aquilino Ribeiro, Maria Keil | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

A Alma e a Gente: Bocage, poeta do povo- por José Hermano Saraiva

Posted by Manuela DLRamos em Setembro 15, 2015

Um vídeo e outros apontadores para assinalar a data de nascimento de Manuel Maria de Barbosa do Bocage (15 de setembro de 1765- 21 de dezembro de 1805).

Para ficar a saber mais sobre este original poeta consulta os apontadores selecionados no scoop.it da BE.

Posted in A Alma e a Gente, Bocage | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

A vida, Marianinha, todas as vidas…

Posted by Manuela DLRamos em Setembro 13, 2015

«A vida, Marianinha, todas as vidasolivrodamarianita
são como aquele corgo do Fornelo
que sai da minha terra de má-pelo
a percorrer as Sete Partidas.

O lugar onde tem a mãe
no sopé do bravio monte,
qual é, não se sabe bem…
Brota aqui uma fonte, ali outra fonte,
um borbulhão de água mais além.

Quando se chega a fazer reparo
ei-lo, lá vai ligeirinho,
e, como se diz do pobrete alegrete,
a falar para cada seixinho
ou a rir-se com eles em falsete.

Assim levado e fazendo balsa,
ouve os trilos do rouxinol,
vê das libelinhas a valsa.
E não cessa de progredir e engrossar
até volver ao seio de que saíu, o mar.

Outro rio, que corre e não se vê correr,
é o rio do Tempo. Banha o mundo,
não tem margem nem fundo,
e, desprovido de balizas e lindes,
roça os astros como berlindes,
deixando a esvanecente espuma
dos dias e noites – brancura ou bruma.
[…]»
in O Livro de Marianinha, Aquilino Ribeiro (Ed. Bertrand, 2010, p. 65 e 66)

Aquilino Ribeiro nasceu no dia 13 de setembro de 1885

 

Posted in Aquilino Ribeiro | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Até sempre, Laika

Posted by Manuela DLRamos em Março 25, 2015

Laika_2000_15_fb
O tempo vai passar e todos os meninos e meninas desta escola, os pequeninos e os crescidos também, hão de lembrar-se da cadelinha meiga que os acompanhou durante tantos (e tão poucos) anos. Chegou magrinha e abandonada e por aqui ficou, bem tratada, acarinhada e segura.

A Biblioteca não podia deixar de lhe prestar uma sentida e sincera homenagem agora que ela nos deixou.  Aqui fica o vídeo de uma visita bem programada que a Laika um dia fez à Biblioteca para uma sessão de leitura com os seus amigos do 5º A (2008-2009).

Adeus, Laikinha, até sempre.

 

Posted in Laika, Maria Teresa Maia Gonzalez | Com as etiquetas : , , | Leave a Comment »

Luísa Dacosta até sempre

Posted by Manuela DLRamos em Fevereiro 17, 2015

Recordando momentos alegres passados na companhia desta querida escritora, há dois anos.
Luísa Dacosta faleceu no passado domingo, dia 16 de fevereiro, na véspera de completar 88 anos.
LuisaDacostaMarco20133bib3

LuisaDacostaMarco2013bibmedLuisaDacostaMarco20133bib1

—-
ver tb. Luísa Dacosta no pinterest aqui e aqui.

Posted in Luísa Dacosta | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Flores para Ilse Losa

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 6, 2015

na data do seu falecimento  (Porto, 6 de janeiro de 2006)

Curta montagem com imagens de flores recolhidas de ilustrações dos seus livros por:

Ilse Losa aqui no blogue (e na BE)

Posted in Ilse Losa | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

“Sophia de Mello Breyner Andresen- O Nome das Coisas”

Posted by Manuela DLRamos em Julho 2, 2014

Excelente documentário sobre a vida e a obra da autora, da autoria de Pedro Clérigo e Carmen Inácio, produzido pela Panavideo para a RTP em 2007.

Inclui, para além de depoimentos de familiares e amigos de Sophia de Mello Breyner Andresen, encenações belíssimas, com cariz aubiográfico, de algumas passagens dos seus contos para crianças.

Disponível também na canal ensina.rtp e no canal vimeo da produtora

 

 

Posted in Sophia de Mello Breyner Andresen | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »

Os Lusíadas para gente nova – por Vasco Graça Moura

Posted by Manuela DLRamos em Maio 5, 2014

lusiadasparagentenovaVGMNo dia em que se iniciam oficialmente as comemorações dos 800 anos da Língua Portuguesa pretende-se, com a divulgação desta obra,homenagear Vasco Graça Moura recentemente falecido, e cumprir assim também um dos propósitos destas comemorações: «Contribuir para dar a conhecer nacional e internacionalmente poetas, escritores e artistas do mundo lusófono» (fonte)

Assim, para ficarem a a conhecer melhor esta adaptação de Os Lusíadas transcrevemos algumas opiniões e deixamos apontadores  para  notícias, programas da rádio e entrevistas.

Vítor Aguiar e Silva: «A solução compositiva escolhida é excelente: a voz de Camões foi extensa e fielmente preservada; a voz do segundo (ou primeiro?) narrador-comentador ilumina, esclarece e exalta o canto originário. Só um grande poeta é capaz de dialogar assim com Camões, alcançando um admirável equilíbrio entre a reescrita modernizadora e a fidelidade à estrutura e aos significados da epopeia.» in Gradiva

TSF- O Livro do Dia:  Os Lusíadas para gente nova, de Vasco Graça Moura, edição Gradiva:  «Ficou célebre a adaptação que João de Barros fez d’Os Lusíadas nos anos cinquenta do século passado. Chamou-lhe Os Lusíadas de Luís de Camões Contados às Crianças e Lembrados ao Povo”.
A particularidade dessa adaptação (que João de Barros também levaria a cabo com a Odisseia, de Homero) era o facto de passar a prosa obras que no original são em verso.
A ousadia de Vasco Graça Moura leva o exercício da divulgação de  Os Lusíadas bem mais longe. Os Lusíadas para gente nova é uma adaptação do poema épico de Camões em estrofes camonianas.»

RTP: À volta dos Livros- conversa com Vasco Graça Moura

Ler Mais, Ler Melhor – Os Lusíadas para gente nova, de Vasco Graça Moura

Nota: Na BE temos um conjunto de 13 exemplares deste livro ( e foram bastante requisitados este ano)

Mais sobre Luís de Camões e Os Lusíadas:

Apoio ao Estudo _ Livros e Leituras _ BiblioBeiriz

 

Posted in Ler Mais Ler Melhor, Luís de Camões, Vasco Graça Moura | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Anne Frank para sempre

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 27, 2014

Hoje, Dia Internacional em Memória das Vítimas do Holocausto,  comemora-se a chegada dos soldados do exército americano ao campo de concentração de Auschwitz (Polónia) em 27 de Janeiro de 1945, e a consequente libertação dos milhares de prisioneiros que aí se encontravam. Relembra-se e comemora-se este acontecimento porque se pensa que só assim se poderá impedir que horrores como o Holocausto* se voltem a repetir.

Porquê Anne Frank?

Porque é a vítima do holocausto mais próxima dos jovens de hoje e … de ontem. Porque a sua história e a da sua família e amigos permite-nos falar deste horror com dignidade.

Ela e a sua irmã Margot também passaram por Auschwitz, mas é noutro campo de concentração, em Bergen-Belsen, que morrem em Março de 1945, poucas semanas antes do fim da guerra!

Anne Frank viverá para SEMPRE nos nossos corações!

Na Biblioteca há vários livros sobre Anne Frank nomeadamente o seu inesquecível  Diário.

Na net, sugerimos:

* «A palavra Holocausto, que em grego significa uma oferenda sacrificial completamente (holos) queimada (kaustos), foi cunhada no fim do século XX para designar a tentativa de exterminação de grupos pessoas “indesejadas” pelos Nazistas alemães ler artigo completo > Holocausto ,  Segunda Guerra Mundial (1939-1945) in Wikipedia

 

Posted in Anne Frank, História | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Teresa Calçada – homenagem

Posted by Manuela DLRamos em Janeiro 10, 2014

Teresa Calçada despede-se do Gabinete da  RBE (que cooordenou desde 1996) mas não das Bibliotecas às quais «continuará dar o seu apoio e a defender como o melhor das nossas vidas». Homenageamos a nossa mentora ao longo destes anos (os mesmos que têm a escola e a BE) reproduzindo três vídeos em que intervem.

Depoimento sobre o Plano Nacional de Leitura

Depoimento da Coordenadora da Rede de Bibliotecas Escolares, Teresa Calçada, sobre os 13 anos de construção da Rede e a importância das bibliotecas escolares na sociedade da informação

Teresa Calçada, Coordenadora da Rede de Bibliotecas Escolares, fala da indispensabilidade de professores bibliotecários para o “bom uso e governo” das bibliotecas escolares. Salienta a importância de equipas qualificadas – professores e funcionários – para ensinar os alunos a utilizar com gosto e eficiência a biblioteca.

——————————————

—————————————–

Biografia.
«Licenciada em Filosofia pela Faculdade de Letras de Lisboa.
Técnica do Instituto Português do Livro de 1982 a 2007, onde integrou o grupo de trabalho que definiu as bases da política nacional da leitura pública, com vista à criação da Rede de Bibliotecas Municipais.
Vice-presidente do Instituto da Biblioteca Nacional e do Livro, até 1996.
Membro do grupo de trabalho que, em 1996, definiu as bases e os princípios orientadores do Programa Rede de Bibliotecas Escolares.
Coordenadora do Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares do Ministério da Educação e Ciência, desde 1996.
Comissária Adjunta do Plano Nacional de Leitura.»in RBE

Posted in RBE, Teresa Calçada | Com as etiquetas : | Leave a Comment »

Entrevistas a Manuel António Pina

Posted by Manuela DLRamos em Outubro 20, 2013

Duas entrevistas para relembrar um escritor muito querido por todos nós que faleceu há um ano.

A primeira é para todos, uma das conversas filmadas datada de Julho de 2011, publicada no Cata Livros
ver também no Scoop.it – LIVROS e LEITURAS

2ª parte da conversa  ;  Texto da entrevista aqui

—————
A segunta entrevista é para os mais crescidos:

Fonte Página Literária do Porto

Posted in Manuel António Pina | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

“Regresso ao lar” – Guerra Junqueiro

Posted by Manuela DLRamos em Setembro 17, 2013

Revisitar/Descobrir Guerra Junqueiro: Videoclip Regresso ao Lar

Guerra Junqueiro, nasceu em 17 de setembro de 1850 e faleceu em 7 de julho de de 1923 (ler mais)

“Regresso ao lar” um dos seus mais belos e conhecidos poemas foi publicado no livro Os Simples, 1892, que temos na BE.

Relê o que já aqui tínhamos publicado e fica a conhecer melhor esta grande figura da cultura portuguesa.

Adenda: Também José Régio nasceu no dia 17 de Setembro. Para saber mais visita a página da Biblioteca Municipal Rocha Peixoto

Posted in Guerra Junqueiro | Com as etiquetas : , , | Leave a Comment »

“Parabéns querido escritor Aquilino Ribeiro!”

Posted by Manuela DLRamos em Setembro 13, 2013

exposicaoAquilinoRibeiro

“E muito, muito obrigado pelos livros que escreveu!”

Era isso que lhe diríamos /escreveríamos se ele fosse vivo, pois hoje Aquilino Ribeiro faria anos!

Nasceu na Beira Alta em 1885 e é considerado um dos maiores escritores portugueses.  Para além de outras obras é autor de três livros maravilhosos para as crianças (e que muitos adultos adoram!) e da adaptação para jovens do mais célebre livro de viagens da literatura portuguesa.

No corrente ano celebra-se o cinquentenário do seu falecimento (em 1963)  e os cem anos da publicação do seu primeiro romance (em 1913).

É um escritor que nunca será esquecido e que todas as crianças deveriam (ouvir)ler

Enviem um pin para celebrar os seus livros! (Ele iria achar giro ;)  Ainda melhor: façam um pin com frases engraçadas dos seus livros.

Venham conhecê-los melhor visitando a exposição na Biblioteca (a partir de 2ª feira). Entretanto, podem desde já explorar estes sitios na net:

romanceda raposa2012m..arcadenoeAR_LFA sm …olivrodamarianita..

(clicando nas capas vão dar ao Pinterest com mais imagens dos livros)

Posted in Aquilino Ribeiro | Com as etiquetas : , | Leave a Comment »

Muitos parabéns, querida senhora professora Luísa Dacosta!

Posted by Manuela DLRamos em Fevereiro 16, 2013

Nunca foi nossa professora, porém como gostaríamos que o tivesse sido!
Assim, é este o nosso modo de a saudarmos hoje, dia do seu aniversário, carinhosa e respeitosamente.  Queremos também dizer que nos sentimos muito  felizes pelo privilégio de, em breve, a irmos receber na nossa biblioteca.  Poderemos então finalmente tornarmo-nos por alguns momentos nos alunos que nunca fomos: os seus.
.
A propósito  da data de hoje, e também para todos ficarmos a conhecer melhor Luísa Dacosta, publicamos este documentário videográfico em que são reveladas as suas múltiplas facetas: pedagoga, escritora, cronista, cidadã independente, crítica não comprometida, poetisa apaixonada pela língua…

Uma entrevista imperdível em que a autora, que hoje celebra 86 anos, fala sobre a sua experiência de professora, a importância da literatura no ensino, as suas obras, escritores que a marcaram e muito mais.


Filmagem e edição de Artur Caiano
Canal do youtube da Página Literária do Porto

Ver aqui outra entrevista à escritora

——–

Posted in Luísa Dacosta | Com as etiquetas : , , , , | Leave a Comment »

Papiniano Carlos (1918 – 2012)

Posted by Manuela DLRamos em Dezembro 6, 2012

Homenagem ao autor de  A Menina Gotinha de Água falecido ontem.


Ópera infantil – produções Miso Music Portugal 2011
Ficha técnica:
Miguel Azguime composição libreto sobre texto original de Papiniano Carlos
Paula Azguime concepção, encenação e difusão sonora
Erica Mandillo maestrina e encenação do coro
Ágata Mandillo narradora
Coro Infantil Da Universidade De Lisboa
com Camila Robert como a Menina Gotinha de Água
André Perrotta direcção tecnológica e programação de software
Perseu Mandillo filmagens e tratamento de imagem
Sara Janic figurinos
Miso Studio computer music design

Miguel Azguime – A Menina Gotinha de Água (2011)

Posted in Miguel Azguime, Papiniano Carlos | Com as etiquetas : , , , | Leave a Comment »